5 estratégias para viver com propósitos enquanto solteira

Viver longos anos de solteirice parece ser uma tendência crescente em nossa cultura, quer gostemos ou não. Por muitos motivos, a maioria dos jovens, homens e mulheres, não estão se casando tão rápido quanto gostariam.

Como uma garota solteira de 28 anos, posso relatar as lutas, tristezas e dificuldades que acompanham esses, indesejáveis, anos extras de solteirice. Apesar de não ter vivido esses anos com perfeição, eu tenho aprendido algumas coisas que têm sido extremamente benéficas para mim durante esse tempo.

Seja você solteira ou casada, essas dicas irão te encorajar, ou te ajudar a encorajar os solteiros que você conhece para que eles vivam com intenção e propósito durante esse tempo.
5 estratégias para viver com propósitos enquanto solteira:

1. Não veja a solteirice como um estágio intermediário.
Existiram fases na minha vida em que eu enxergava esses anos de solteirice como uma temporada para ser “suportada”. Eu via o casamento como uma coisa boa e solteirice como um coisa ruim. Eu queria que essa fase de solteira acabasse o mais rápido possível, então eu poderia seguir em frente na vida e ser realmente uma adulta.
Graciosamente, Deus me ajudou a ver que solteirice não é uma temporada de espera ou que eu deveria apenas suportar, mas uma importante e valiosa fase da vida. Eu quero te encorajar como solteira a abraçar essa temporada. Deus te colocou nessa situação por uma razão. Não perca esses dias apenas esperando sua hora de casar. Aproveite do tempo que Deus tem te dado e faça o máximo que puder durante essa fase.

2. Saia da sua bolha de amigos solteiros.
Em nossa sociedade, existe um grande incentivo para ficarmos apenas em nosso grupo de amigos. Adolescentes se divertem com adolescentes. Crianças com crianças. Casados com casados. Mais velhos com mais velhos. Não há um encorajamento para misturar os grupos e passar tempo com pessoas de diferentes estágios da vida.
Eu particularmente acredito que essa é uma mentalidade terrível que espero nunca abraçar. Ao invés de restringir nossos grupos de amigos para “apenas solteiros”, tentemos misturar isso um pouco. Passe tempo investindo naqueles que são mais novos que você. Passe tempo com os seus avós, com os jovens recém-casados ou casais que tenham muitas décadas de matrimônio. Saia do seu grupo de amigos comum e comece a investir e se beneficiar daqueles que estão em diferentes fases da sua vida.

3. Escolha a gratidão durante esses anos.
Em nenhum lugar das Escrituras nós vemos solteiros dando um “passe especial” para viver em descontentamento e ingratidão. Deus nos ordena a dar graças em todas as coisas, independentemente das circunstâncias. “Regozijai-vos sempre. Orai sem cessar. Em tudo, daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. ” (1 Tessalonicenses 5-16-18). Gratidão é uma escolha. É algo que você tem que escolher fazer, a despeito de como se sente.
Eu amo o jeito que Nancy Leigh Demoss colocar isso em seu livro Escolhendo a Gratidão. “Eu tenho aprendido que em todas as circunstâncias que se colocam em meu caminho, posso escolher responder entre duas formas: eu posso choramingar ou eu posso adorar. E eu não posso adorar sem dar graças. Isso simplesmente não é possível. Quando escolhemos o caminho da adoração e damos graças, especialmente em meio a circunstâncias difíceis, existe uma fragrância, um resplendor, que são emitidos das nossas vidas para bendizer ao Senhor e abençoar os outros. ”

4. Use esses anos de solteira para glória de Deus.
Pessoas solteiras têm muito potencial para fazer impacto no Reino de Deus. Nós tipicamente temos energia, juventude, flexibilidade e tempo para ser usado, diferentemente de pessoas casadas. Ao invés de sentarmos e esperarmos a pessoa certa aparecer em nosso caminho, vamos viver com propósito e intenção.
 Vamos aproveitar dessa única e incrível fase de nossa vida e vivê-la com a eternidade em mente.
Como eu digo no meu livro, Girl Defined: O projeto radical de Deus para Beleza, Feminilidade e Identidade, “quando a eternidade chegar, apenas as coisas que você fez para Cristo vão realmente importar”. Vamos escolher ser homens e mulheres que verdadeiramente vivem com isso em mente.

5. Procure ativamente por oportunidades para servir.
Existem tantas necessidades em nossa igreja e comunidade que desesperadamente precisam ser conhecidas. Há jovens que precisam de modelos piedosos e de discipuladores. Há pessoas idosas que precisam de amor e companhia. Há mães solteiras que podem precisar da sua ajuda em diferentes formas. Não demora muito para encontrar alguma necessidade. Nós como solteiros precisamos começar a ativamente procurar oportunidades para servir.

Precisamos parar de apenas esperar que Deus faça a oportunidade bater em nossa porta e começar a fazer grandes esforços para amar e servir aqueles a quem Deus já colocou ao nosso redor.
Estou desafiando você a ser um solteiro (ou a encorajar solteiros que você conhece) a viver com propósito e intenção durante essa fase. Não espere a grama mais verde aparecer no seu caminho. Escolha viver todos os dias para glória de Deus.

Eu adoraria te ouvir!

Qual das cinco estratégias é a que você mais precisa aplicar na sua vida?
Este post é uma tradução de um artigo de Bethany Baird, publicado originalmente no blog GirlDefined, traduzido e publicado com permissão da autora. O artigo original pode ser encontrado no link: 5 Strategies for Living With Purpose as a Single Girl
Kristen e Bethany são duas irmãs do sul do estado de Texas, apenas curtindo a vida e espalhando a verdade. Com menos de 2 anos de diferença de idade, elas têm sido melhores amigas desde o dia em que se conheceram em 1988. Enquanto iam envelhecendo, as duas chegaram à conclusão de que ser uma garota neste mundo moderno pode ser uma coisa confusa. Descobriram que a maioria das meninas, mesmo as meninas cristãs, não têm ideia porque elas foram criadas, qual o seu propósito, o que significa ser uma esposa e mãe algum dia, e o valor da pureza sexual. Algo precisava ser feito. Meninas precisam da verdade e tão poucos estavam liderando o caminho e oferecendo direção. Talvez essa seja a vocação de Kristen e Bethany.
* Traduzido por Rachel Figueiredo
(Esse poste tambem foi reproduzido no site: Incorformados)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não deixe de comentar!
Sua opinião é muito importante para mim :D
Beijos...

Post Top Ad

My Instagram

Antes de sair gostaria de assinar nosso feed?

100% gratuito

atualizado

sem spam